Início Terceirização de Portaria Como fazer Terceirização de Portaria

Como fazer Terceirização de Portaria

0

O presente artigo tem como objetivo lhe auxiliar na terceirização de portaria, hoje em dia, algo muito comum em diversos segmentos. Mas, afinal, o que é terceirizar?

De acordo com o dicionário Michaelis online, terceirização é “estratégica de reorganização em que uma empresa adquire bens e serviços de fornecedores externos com o objetivo de diminuir custos, economizar recursos e desburocratizar sua administração”. (Disponível no site www.michaelis.uol.com.br)

Em outras palavras, terceirizar é o ato de transferir a alguém a responsabilidade de prestar um serviço a aquele, com fim de reduzir custos, objetivo melhorar sua atividade empresarial, enfim, a empresa. Ou melhor, é transferir a prestação de um serviço que não é objeto do seu contrato social.

Hoje em dia, muitas empresas têm procurado prestadoras de serviços para realizar inúmeras funções, como para serviços de limpeza, portaria, etc., dentro do seu espaço de trabalho.

E, se você também tem a intenção de contratar uma empresa terceirizada para prestar serviços, fique de olho nas nossas dicas.

Cuidados ao fazer a Terceirização da Portaria

cuidados-ao-fazer-a-terceirizacao-da-portaria

Ao contratar uma empresa prestadora de serviços, é interessante analisar o perfil dessa empresa; se se trata de empresa idônea, se possui ações trabalhistas. Esse tipo de informação vai lhe deixar confiante na hora de escolher a prestadora de serviços certa. Além disso, não escolha pelo preço, mas preze pela qualidade. Serviço de portaria realizado por profissionais ruins não cai bem.

Como selecionar empresas para Terceirização da Portaria

Após escolher empresas prestadoras de serviços que se encaixam no perfil que você procura, é hora de verificar quais são mais capacitadas para lhe oferecer bons profissionais.

Procure escolher empresas que investem no quadro de funcionários, com treinamentos para realizar cada função que exige um profissional que trabalha numa portaria. Além disso, importante verificar se a empresa atenderá as suas necessidades.

Para portaria, existem várias funções e profissionais adequados; uma portaria, por exemplo, por precisar de atendente, recepcionista, telefonista.

O atendente, nada mais é que o antigo porteiro – hoje, com nova denominação, tem como função principal recepcionar as pessoas, bem como materiais, correspondências, além de controlar a entrada das pessoas.

O recepcionista é o profissional cujas funções são parecidas com a do atendente, mas com uma diferença: ele pode atender telefonemas, passar informações para os visitantes sobre a empresa.

Já o telefonista é o profissional que faz o trabalho de atendimento de telefones, anotação de recados, transferência de ligações.

Note-se que tais profissionais são o “cartão de visita” da empresa, por isso, precisam ser educados, cordiais, responsáveis, ter boa aparência, até porque ele são eles que terão o primeiro contato com seus clientes e visitantes.

10 dicas para o sucesso na Terceirização da Portaria

Para ter sucesso com a terceirização da portaria, separamos 10 dicas para você:

  1. Pesquise muito antes de contratar

A primeira dica e uma das mais importantes é pesquisar muito antes de contratar. Hoje existem muitas empresas especializadas em serviços de portaria, por isso, não há desculpa. Pesquisar fará com que você encontre possíveis empresas candidatas que se encaixam no perfil da sua empresa, facilitando na hora da contratação.

  1. Escolha uma empresa que investe nos profissionais

Escolher uma empresa de confiança é um dos segredos de sucesso dessa parceria. Até porque, é essa empresa que vai disponibilizar os profissionais que você precisa. Não se esqueça que os profissionais que trabalham na portaria são o “cartão de visita” da sua empresa; são eles que terão o primeiro contato com seus clientes e visitantes. Por isso, escolha empresa que trabalhe sempre para a melhoria dos profissionais com cursos de atualização, bons uniformes, etc.

  1. Escolha uma empresa de confiança

Selecionar uma empresa de confiança significa conhecer quem você está contratando; procure saber se se trata de empresa idônea, que trata bem seus empregados, que paga em dia seus impostos e obrigações trabalhistas.

  1. Conheça seu colaborador

Conhecer a empresa que está contratando é primordial; nenhuma parceria de sucesso faz-se com desconhecidos.

  1. Terceirizar atividade acessória é sucesso

A terceirização, no caso, para portarias, pode ser explorada sem que haja risco futuro para o “tomador” do serviço de eventual responsabilidade trabalhista porque o serviço de atendimento na portaria não tem relação com a atividade principal da empresa. Por exemplo, uma empresa de sucos tem como atividade principal a fabricação de sucos e, como atividade acessória, serviços de limpeza, portaria. Tais atividades acessórias podem ser terceirizadas sem que haja responsabilidade.

  1. Seja parceiro dos prestadores de serviço

Eles não são funcionários, mas fazem parte da empresa, não é? Pois invista nesses profissionais para que eles deem resultados positivos. Uma parceria de sucesso depende também de quem contrata.

  1. Cliente satisfeito é cliente para sempre!

Aqui estamos exemplificando como se nossos profissionais fossem contratados por uma empresa. Saber se seus clientes/visitantes ficaram satisfeitos com o atendimento da portaria faz com que a relação entre contratante e contratado se estreite e melhore. Além disso, é de extrema importância que seja feita uma avaliação para que se possa, cada vez mais, melhorar os serviços prestados na portaria.

  1. Comunicação é a porta para o sucesso

Comunique-se com seus colaboradores. Mantê-los informados sobre tudo fará com que o serviço prestado tenha maior qualidade.

  1. Falta de mão de obra? Aqui não tem.

No caso de um colaborador faltar no serviço, a empresa prestadora disponibiliza um suplente para que a empresa não fique na mão. Com falta de profissionais, a empresa não fica e mantém o funcionamento do serviço normalizado. Cada vez mais, as empresas, condomínios, procurem as terceirizadas para evitar a famosa “dor de cabeça” por falta de colaborador.

  1. Ordens é coisa para funcionário

Dar ordens para prestador de serviço é proibido. Lembre-se que eles não são seus funcionários, mas sim da empresa que lhe presta serviço. Dar ordens faz com que se crie um vinculo de emprego que você não quer que exista; por isso, contratou uma empresa para prestar serviços.

Contratos na terceirização da portaria

Celebrar um contrato é item básico para que contratante e contratado tenham definido claramente seus direitos e obrigações. Lembre-se de especificar que a empresa tomadora dos serviços, que é aquela que contrata, não tem nenhuma responsabilidade trabalhista, nem vínculo empregatício com quem prestou o serviço.

5 dicas para não errar na Terceirização da portaria

Acertar na terceirização é o que todo mundo quer, mas o que fazer para não errar na hora de contratar?

  1. Invista em boas empresas prestadoras de serviço.
  2. Preze pela qualidade dos colaboradores que a empresa lhe disponibiliza.
  3. Prevenir é o melhor remédio, por isso, periodicamente, converse com seus colaboradores para saber se a empresa prestadora de serviço está cumprindo todas as suas obrigações trabalhistas.
  4. Estabeleça boa relação (cliente e fornecedor) com seus prestadores.
  5. Não trate terceirizados como seus funcionários, pois não o são.

Vá em frente e tenha sucesso na sua parceria!

Como fazer Terceirização de Portaria
5 (100%) 1 vote[s]
Empresa de Terceirição

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here